terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

em reforma

Só precisava vim aqui te dizer coisas bonitas, te ouvir chorar ou apenas passar pela frente da sua casa e imaginar você apagando a luz do quarto e saindo pelo portão.
As coisas mudam, o tempo passou tão rápido que eu nem consigo lembrar tão claramente como eram aqueles momentos nossos.
Ainda dói quando lembro.  Ainda machuca sim. 
Eu mudei, você mudou... eu não sou mais o mesmo, hoje estou meio perdido em minhas decisões.
Está tudo errado e não quero esconder a bagunça atrás da porta e pedir pra você entrar e não reparar nela. 
Estou trocando o piso, pintando as paredes, mudando a decoração, abrindo as janelas... daqui um tempo quando tudo estiver pronto pra te receber, você já esteja morando em outro lugar e eu esteja aqui destrancando a porta e olhando pelo olho mágico na esperança de ver seu sorriso ali, brilhante, me esperando. 
Tão ridículo eu. Onde eu estou com a cabeça quando sonho com isso?

Mas estou arrumando, seja pra você ou pra quem estiver pronta pra me receber. Não faz mal.

0 comentários:

Postar um comentário

quem escreve

Minha foto
Rodolffo Saldanha
Estudante de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo, 23 anos.
Visualizar meu perfil completo

o que já escrevi...

Rodolffo Saldanha. Tecnologia do Blogger.