quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

das minhas quedas

Lembro de algumas palavras minhas nos anos que passaram. A cada início de ano era uma nova promessa, um novo pedido, uma nova perspectiva...
É tão triste ver que ao longo dos anos os passos foram dados para trás.
Sempre quis crescimento, progresso e conquistas; e hoje estou mais fraco que antes. Não falo de questões acadêmicas ou profissionais, falo da minha vida pessoal.
Nunca pensei que 2012 pudesse ser tão devastador assim. Nunca pensei que estaria dessa forma...
Definitivamente, esse não foi um bom ano.
Claro, tenho muito o que agradecer, mas parece que todas as coisas ruins insistem em continuar fazendo mais barulho aqui dentro.
Meus gritos ecoam e se perdem em meio a tantas confusões, desilusões, dúvidas e medos.
Não quero que esse ano seja igual. Quero continuar o que eu sempre quis. Sempre escrevi isso por aqui, sempre desejei coisas boas e tentava alcançar ao máximo tudo que eu queria. Mas dessa vez parece que eu me cansei de lutar. Parece que não consigo mais me reerguer.

0 comentários:

Postar um comentário

quem escreve

Minha foto
Rodolffo Saldanha
Estudante de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo, 23 anos.
Visualizar meu perfil completo

o que já escrevi...

Rodolffo Saldanha. Tecnologia do Blogger.