sexta-feira, 10 de agosto de 2012

do tempo que passou...

Em nossa infância nós vemos nossos pais como uma fonte de força.
Nosso pai é nosso herói, o invencível, o mais forte...
Nossa mãe é nossa fonte de amor, nossa força, nossa base...
O tempo vai passando e nós vamos percebendo que a fragilidade deles é grande.
O braço forte que antes nos sustentavam, já tão estão tão fortes assim. Eles precisam da nossa força, das nossas palavras.
Continuam tendo as palavras certas para curar a ferida que há em nós, continuam tendo o amor perfeito que perdura há tanto tempo. Mas as fragilidades vão sendo mais evidentes aos nossos olhos, que não são mais tão puritanos assim...
É curioso. É lindo ver isso. Nós vamos vendo o ciclo de tudo.
Daqui alguns anos eles estarão velhinhos, não tão fortes quanto hoje, mas com a sensação de dever cumprido.
Daqui uns anos eu serei visto como um herói, como o invencível e o mais forte. E terei que ver o ciclo se repetir.
Deus é tão perfeito. Ele nos ajuda a crescer, mesmo sem perceber. Nosso olhar amadurece e nós vamos enxergando a vida de uma forma, cada vez mais, realista e racional.

0 comentários:

Postar um comentário

quem escreve

Minha foto
Rodolffo Saldanha
Estudante de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo, 23 anos.
Visualizar meu perfil completo

o que já escrevi...

Rodolffo Saldanha. Tecnologia do Blogger.